Media training: o que é e o que você precisa saber

Preparar os porta-vozes para se relacionarem com a mídia é fundamental para ter mais impacto na sua comunicação e esse é o papel do media training .

Uma boa entrevista pode render uma pauta positiva em toda a imprensa por alguns dias, ajudar a reverter uma crise ou construir uma imagem mais sólida da marca perante a opinião pública.

O que é Media training?

Media training é o processo de treinamento de porta-vozes para prepará los para uma relação direta com os veículos de imprensa em entrevistas e outros tipos de contato com a mídia. É  ideal que essa preparação ocorra antes mesmo de qualquer comunicação proativa com os veículos.

São utilizadas algumas técnicas para desenvolver a oratória, a postura do profissional, técnicas de memorização e treino das mensagens-chave sobre os assuntos mais importantes da instituição. Atualmente, esse treinamento também aborda a interação desses profissionais nas redes sociais.

Antes de iniciar o seu processo de media training, é importante definir a lista de porta-vozes da instituição. Para escolher os representantes vale considerar o cargo: o alto escalão da empresa (como presidente e diretoria) precisam estar prontos por serem figuras constantemente expostas.

Além disso, alguns técnicos que entendem de determinados assuntos em profundidade também podem ser requisitados para entrevistas e devem ser treinados.

Preparação de mensagens-chave

A área de relações públicas ou assessoria de imprensa deve preparar previamente as mensagens-chave a serem trabalhadas no media training para que o porta-voz aprenda as técnicas já com o discurso a ser usado para cada tema.

É preparado ainda um roteiro para o treinamento que pode ser em formato de perguntas e respostas, uma conversa informal para ver o nível de conhecimento e domínio do porta-voz em relação aos temas e até mesmo abordagens que surpreendam o porta-voz para avaliar também as suas reações emocionais e até físicas.

Veja alguns dos nossos ebooks

Quais os principais formatos do media training?

A depender do nível de preparo do porta-voz e da necessidade de treinamento, o media training pode ocorrer em sessões específicas, de duas a quatro horas. As sessões mesclam teoria e prática e podem ser individuais ou em grupo

A equipe contratada para aplicar a técnica costuma iniciar com uma entrevista surpresa com o porta-voz. Essa entrevista é gravada e feita por um jornalista experiente ou que esteja em algum veículo para trazer uma avaliação inicial de nivelamento.

Após esse momento, é iniciada a parte teórica do treinamento, também feita por profissionais experientes que vão explicar ao porta-voz como se dá a relação com a imprensa e qual a melhor forma de se posicionar perante a mídia.

Nesse momento, também são trabalhadas as mensagens-chave (key messages) que deverão ser reforçadas ao longo da fala. Para fechar, ainda é feita nova simulação de entrevista e o porta-voz recebe orientações dos profissionais.

Com a gravação das entrevistas, é feita uma análise detalhada com relatório analítico sobre todos os pontos a serem trabalhados, acertos e características daquele porta-voz que são positivas para a sua aparição pública.

Dicas para quem vai contratar um media training:

  • Selecione porta-vozes que terão contato com a mídia e todo o alto escalão da empresa.
  • Prepare as mensagens-chave antecipadamente! Isso deixa o treinamento mais dinâmico e efetivo para os objetivos da comunicação corporativa.
  • Faça alinhamento prévio com a empresa contratada, acompanhe toda a sessão e contribua com seus feedbacks aos participantes.
  • Após a sessão, ajude a disseminar as boas práticas do treinamento e a garantir que os porta-vozes verão o relatório analítico enviado.

Especialista em gestão da reputação e imagem há 40 anos, a FSB Comunicação desenvolve formatos inovadores de media training para clientes do mercado financeiro, varejista, startups, governo, entre outros.

Você também pode ter interesse nestes artigos: